Eduardo Eustáquio de Souza Figueiredo, Marlei Gomes da Silva, Leila de Souza Fonseca, Joab Trajano Silva e Vânia Margaret Flosi Paschoalin

RESUMO

Mycobacterium bovis é membro do complexo Mycobacterium tuberculosis (mtBc), grupo este com- posto por espécies com grande homologia genética. É o agente etiológico da tuberculose bovina, importante zoo- nose transmissível ao homem, principalmente através da inalação do bacilo e/ou pelo consumo de leite e derivados não-pasteurizados provenientes de vacas tuberculosas. O objetivo deste estudo foi padronizar a identificação de micobactérias do complexo M. tuberculosis presentes no leite, por metodologia molecular. Fez-se a extração de DNA diretamente do leite contaminado e realizou-se a identifica- ção molecular pela reação em cadeia da polimerase seguida de análise de restrição do fragmento amplificado (PRA). Utilizaram-se inhagens de referência e leite cru artificial- mente contaminado com M. bovis IP. Um fragmento de 441pb do gene hsp65 foi amplificado, tratado com Bsteii e HaeIII e empregou-se o perfil de restrição enzimática obtido para identificar o complexo M. tuberculosis no leite. Com a PRA foi possível detectar com especificidade e sensibilidade a presença de M. bovis em até 10 UFC/mL de leite. A metodologia padronizada poderá auxiliar os métodos microbiológicos e bioquímicos tradicionalmente usados na identificação do bacilo em alimentos suspeitos de contaminação, como, por exemplo, o leite proveniente de animais suspeitos de infecção por M. bovis.


PALAVRAS-CHAVES: Análise de perfil de restrição enzimática (PRA), complexo Mycobacterium tuberculosis, leite, Mycobacterium bovis, limite de detecção (pcR).

Attachments:
Download this file (1339_1381-20316-1-PB.pdf)1339_1381-20316-1-PB.pdf[ ]335 kB

Sobre a REDE-TB

A Rede Brasileira de Pesquisa em Tuberculose (REDE-TB) é uma Organização Não Governamental (ONG) de direito privado sem fins lucrativos, preocupada em auxiliar no desenvolvimento não só de novos medicamentos, novas vacinas, novos testes diagnósticos e novas estratégias de controle de TB, mas também na validação dessas inovações tecnológicas, antes de sua comercialização no país e/ou de sua implementação nos Programa de Controle de TB no País.


bt2

Contato

E-mail: redetb.rp@gmail.com

Tel: +55 (21)3938 - 2426
Tel/ Fax: +55 (21)3938 - 2431.

Endereço: Avenida Carlos Chagas Filho, 791, Cidade Universitária - Ilha do Fundão, Rio de Janeiro, RJ - Brasil. CEP: 21941-904

Assine a newsletter da REDE-TB

Curta REDE-TB no Facebook